Schedules and Box Office
  •  
     
    HINDI ZAHRA
    May 25, 2019
  • Programa
  • Saturday
    21:30
    Main Room
    M12
    18 €
    Cartão Quadrilátero
    9 €
    A Marroquina Hindi Zahara traz na bagagem o seu mais recente disco, “Homeland”, um álbum autobiográfico e um espelho das múltiplas influências culturais que desaguam no seu país. À incontornável herança Berber, a música de Hindi Zahara acrescenta o amor pelos ritmos do Brasil, Cabo Verde, Índia ou Irão e não perde de vista linguagens musicais como o Jazz e o Blues. Descoberta e aclamada internacionalmente em 2010, após o lançamento do ábum “Homemade”, Hindi foi comparada a Billie Holiday e a sua atitude mereceu-lhe ainda a designação de “Patti Smith do Norte de África”. 

    1.ª parte - Labaq

    Em tempos onde as sombras parecem ser os faróis que opacam p nosso dia a dia, é necessário encontrar a luz que levamos dentro para conseguirmos iluminar o nosso caminho e podermos seguir dando passos para a frente. Labaq levou isto ao pé da letra. Ao menos assim deixou claro em “Lux” (Voa Music, 2019), um álbum que traz uma reviravolta estética no seu som, mas que também soa como um manifesto artístico-político e a reivindicação de que cada um pode ser o seu próprio farol.
Saturday
21:30
Main Room
M12
18 €
Cartão Quadrilátero
9 €
A Marroquina Hindi Zahara traz na bagagem o seu mais recente disco, “Homeland”, um álbum autobiográfico e um espelho das múltiplas influências culturais que desaguam no seu país. À incontornável herança Berber, a música de Hindi Zahara acrescenta o amor pelos ritmos do Brasil, Cabo Verde, Índia ou Irão e não perde de vista linguagens musicais como o Jazz e o Blues. Descoberta e aclamada internacionalmente em 2010, após o lançamento do ábum “Homemade”, Hindi foi comparada a Billie Holiday e a sua atitude mereceu-lhe ainda a designação de “Patti Smith do Norte de África”. 

1.ª parte - Labaq

Em tempos onde as sombras parecem ser os faróis que opacam p nosso dia a dia, é necessário encontrar a luz que levamos dentro para conseguirmos iluminar o nosso caminho e podermos seguir dando passos para a frente. Labaq levou isto ao pé da letra. Ao menos assim deixou claro em “Lux” (Voa Music, 2019), um álbum que traz uma reviravolta estética no seu som, mas que também soa como um manifesto artístico-político e a reivindicação de que cada um pode ser o seu próprio farol.
Other shows
May 27, 2019 / Movies
HOTEL IMPÉRIO
MoreMore
May 28 e 29, 2019 / Theater
AMOR DE PERDIÇÃO
MoreMore
May 31, 2019 / Music
Paião
MoreMore
All shows
Seta Submit Seta Email Facebook Facebook Twitter Instagram Pintrest Vimeo Yootube Soundcloud Soundcloud Soundcloud
The use of cookies at Teatro Circo de Braga’s website serves only to register the language chosen by the user and to verify if the user accepted the cookie. If you continue to use this website, it is assumed that you accept these cookies.