Schedules and Box Office
  •  
     
    Suores de Mel e a Morte Não Terá Domínio
    September 20, 2024
  • Programa
  • Friday
    21:30
    Main Room
    M6
    9€
    Cartão Quadrilátero
    4,5€
    Buy ticket
     
    Book tickets
    Suores de Mel e a Morte Não Terá Domínio - Hugo Calhim Cristóvão & Joana von Mayer Trindade 

    Suores de Mel e a Morte Não Terá Domínio é uma criação de dança que celebra a insubmissão e a revolução, inspirada no 25 de Abril e nas obras de vários autores como Eduardo Lourenço, Fernando Pessoa e Natália Correia. A peça trata a dança como uma expressão de resistência e transformação, combinando referências mitológicas, filosóficas e poéticas. Inicialmente, a dança reflete a embriaguez dionisíaca, comparada ao mel das abelhas, simbolizando a liberdade e a rebeldia humana, manifestando-se numa dança urgente e multiforme, que desafia identidades fixas e papéis sociais restritos, evocando uma revolta silenciosa das árvores e da floresta. 

    A dança é descrita como uma saturnália contínua, uma celebração da loucura e uma inversão das normas sociais. Inspirada pela poesia de Natália Correia, a dança incorpora pulsões e desejos humanos, criando um movimento de insubmissão e heteronomia. A peça também critica a transformação das manifestações femininas em festivais controlados pelo estado, onde as figuras femininas são relegadas a musas e os homens dominam o palco. 

    Direção, Coreografia, Dramaturgia e Formação Hugo Calhim Cristóvão & Joana von Mayer Trindade
    Intérpretes  Sara Miguelote, Michele Simi, Beatriz Coelho e Lucia Marrodan
    Desenho de Som João Oliveira 
    Desenho de Luz Luís Silva 
    Figurinos UN T 
    Cenografia Jérémy Pajeanc & NuIsIs ZoBoP 
    Teoria e Filosofia Hugo Calhim Cristóvão, Joana von Mayer Trindade, Celeste Natário, Carlos Pimenta, Cláudia Marisa, Cristina Aguiar, Ezequiel Santos, Hugo Monteiro, Rui Lopo, Mário Correia, Manuela Hargreaves, Nuno Matos Duarte, Chris Page, Afonso Becerra, Armando Nascimento Rosa, Luís Ramos, Pedro Fiúza e Sofia Vilar Soares 
    Documentação, Entrevistas Cristina Aguiar e Cláudia Galhós 
    Vídeo Os Fredericos  
    Fotografia Alípio Padilha e João Peixoto 
    Produção Executiva Joana Domingues e NuIsIs ZoBoP 
    Coprodução Theatro Circo, Teatro Municipal de Bragança – Algures a Nordeste Festival de dança Contemporânea, Casa Varela – Centro de Experimentação Artística e Cine Teatro - Louletano  
    Residências Artísticas Casa Varela – Centro de Experimentação Artística, Circolando, Ágora - Cultura e Desporto, Centro de Criação do Candoso - Fábrica Asa, Ginasiano  e Kale/Armazém 22, Centro de Criação e Investigação Nuisis Zobop. 
    Parcerias Instituto de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Instituto de Sociologia da Universidade do Porto - FLUP, Escola do Superior de Educação do Porto, Escola Superior de Arte Dramática da Galiza, ESMAE-Escola Superior Música e Artes do Espetáculo do Porto, Universidade Lusófona do Porto e Fórum Dança. 
    Apoios Ágora - Cultura e Desporto e Festival Abril Dança Coimbra – Teatrão 
    Apoio Internacionalização Fundação Calouste Gulbenkian 

    A Nuisis Zobop é uma estrutura financiada por República Portuguesa - Cultura/ DGArtes - Direção-Geral das Artes 
     
    Apoio República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes. RTCP – Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses

Friday
21:30
Main Room
M6
9€
Cartão Quadrilátero
4,5€
Buy ticket
 
Book tickets
Suores de Mel e a Morte Não Terá Domínio - Hugo Calhim Cristóvão & Joana von Mayer Trindade 

Suores de Mel e a Morte Não Terá Domínio é uma criação de dança que celebra a insubmissão e a revolução, inspirada no 25 de Abril e nas obras de vários autores como Eduardo Lourenço, Fernando Pessoa e Natália Correia. A peça trata a dança como uma expressão de resistência e transformação, combinando referências mitológicas, filosóficas e poéticas. Inicialmente, a dança reflete a embriaguez dionisíaca, comparada ao mel das abelhas, simbolizando a liberdade e a rebeldia humana, manifestando-se numa dança urgente e multiforme, que desafia identidades fixas e papéis sociais restritos, evocando uma revolta silenciosa das árvores e da floresta. 

A dança é descrita como uma saturnália contínua, uma celebração da loucura e uma inversão das normas sociais. Inspirada pela poesia de Natália Correia, a dança incorpora pulsões e desejos humanos, criando um movimento de insubmissão e heteronomia. A peça também critica a transformação das manifestações femininas em festivais controlados pelo estado, onde as figuras femininas são relegadas a musas e os homens dominam o palco. 

Direção, Coreografia, Dramaturgia e Formação Hugo Calhim Cristóvão & Joana von Mayer Trindade
Intérpretes  Sara Miguelote, Michele Simi, Beatriz Coelho e Lucia Marrodan
Desenho de Som João Oliveira 
Desenho de Luz Luís Silva 
Figurinos UN T 
Cenografia Jérémy Pajeanc & NuIsIs ZoBoP 
Teoria e Filosofia Hugo Calhim Cristóvão, Joana von Mayer Trindade, Celeste Natário, Carlos Pimenta, Cláudia Marisa, Cristina Aguiar, Ezequiel Santos, Hugo Monteiro, Rui Lopo, Mário Correia, Manuela Hargreaves, Nuno Matos Duarte, Chris Page, Afonso Becerra, Armando Nascimento Rosa, Luís Ramos, Pedro Fiúza e Sofia Vilar Soares 
Documentação, Entrevistas Cristina Aguiar e Cláudia Galhós 
Vídeo Os Fredericos  
Fotografia Alípio Padilha e João Peixoto 
Produção Executiva Joana Domingues e NuIsIs ZoBoP 
Coprodução Theatro Circo, Teatro Municipal de Bragança – Algures a Nordeste Festival de dança Contemporânea, Casa Varela – Centro de Experimentação Artística e Cine Teatro - Louletano  
Residências Artísticas Casa Varela – Centro de Experimentação Artística, Circolando, Ágora - Cultura e Desporto, Centro de Criação do Candoso - Fábrica Asa, Ginasiano  e Kale/Armazém 22, Centro de Criação e Investigação Nuisis Zobop. 
Parcerias Instituto de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Instituto de Sociologia da Universidade do Porto - FLUP, Escola do Superior de Educação do Porto, Escola Superior de Arte Dramática da Galiza, ESMAE-Escola Superior Música e Artes do Espetáculo do Porto, Universidade Lusófona do Porto e Fórum Dança. 
Apoios Ágora - Cultura e Desporto e Festival Abril Dança Coimbra – Teatrão 
Apoio Internacionalização Fundação Calouste Gulbenkian 

A Nuisis Zobop é uma estrutura financiada por República Portuguesa - Cultura/ DGArtes - Direção-Geral das Artes 
 
Apoio República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes. RTCP – Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses

Other shows
September 13, 2024 / Dance
Paraíso: AMI.LCAR - Djam Neguin
MoreMore
November 15, 2024 / Dance
Corpo Clandestino - Victor Hugo Pontes
MoreMore
July 19, 2024 / Theater
MIT24: The River - Theatre Roi
MoreMore
July 20, 2024 / Theater
MIT24: Caim de José Saramago
MoreMore
July 21, 2024 / Theater
MIT24: Carne - CTB/Teatro Municipal de Maltepe
MoreMore
All shows
Seta Submit Seta Email Facebook Facebook Twitter Instagram Pintrest Vimeo Yootube Soundcloud Soundcloud Soundcloud
The use of cookies at Teatro Circo de Braga’s website serves only to register the language chosen by the user and to verify if the user accepted the cookie. If you continue to use this website, it is assumed that you accept these cookies.