Schedules and Box Office
  •  
     
    DE ALGUM TEMPO A ESTA PARTE
    October 28 a 30, 2020
  • Programa
  • Wednesday - 21:30
    Thursday - 21:30
    Friday - 21:30
    Main Room
    A classifi
    10 €
    Cartão Quadrilátero
    5 €
    Buy ticket
     
    Book tickets

    Companhia de Teatro de Braga

    “Isto o vi eu. E continuo viva. E ainda há quem não queira inteirar-se.”

    A dureza testemunhal é uma das principais qualidades deste texto seco e sórdido de Aub. Não quero que ninguém me console, diz Emma Blumennthal ao resistir à tentação melodramática e ao esquecimento. Tenta mitigar a sua própria amargura por todas as perdas, encontrando-lhes um sentido e uma missão. E a sua missão é o testemunho, a presença e a denúncia: isso eu vi. Sim! E ainda estou viva. E ainda há quem não queira inteirar-se. As suas palavras assumem uma dimensão enorme e justificam a sua presença diante de nós. Apesar do sofrimento, aquela mulher torturada pela vida e pela história decide ir em frente, viver, lutar e, acima de tudo, recordar, porque como diz: se não houver memória, para que se vive? Isto explica claramente a nossa proposta: romper as fronteiras do silêncio e do esquecimento. Por isso veio, para que nos deixe observar sua miséria e degradação, por isso vamos pôr em cena este texto; para não esquecer aqueles que viveram estas e outras guerras, recordar as vítimas dos totalitarismos aniquilantes e avisar para o perigo de uma sociedade que roça a debilidade. Para reivindicar o valor do teatro testemunho do exílio, como um instrumento vivo e eficaz para interpelar a sociedade. - Ignácio Garcia

    Encenação: Ignácio Garcia /espanha /méxico| Assistente de encenação: Solange Sá | Tradução: Ivonete da Silva Isidoro| Cenografia: José Manuel Castanheira| Figurinos: Manuela Bronze| Desenho de luz: Bohumil Palewic| Criação vídeo: Frederico Bustorff | com Ana Bustorff (atriz convidada)


Wednesday - 21:30
Thursday - 21:30
Friday - 21:30
Main Room
A classifi
10 €
Cartão Quadrilátero
5 €
Buy ticket
 
Book tickets

Companhia de Teatro de Braga

“Isto o vi eu. E continuo viva. E ainda há quem não queira inteirar-se.”

A dureza testemunhal é uma das principais qualidades deste texto seco e sórdido de Aub. Não quero que ninguém me console, diz Emma Blumennthal ao resistir à tentação melodramática e ao esquecimento. Tenta mitigar a sua própria amargura por todas as perdas, encontrando-lhes um sentido e uma missão. E a sua missão é o testemunho, a presença e a denúncia: isso eu vi. Sim! E ainda estou viva. E ainda há quem não queira inteirar-se. As suas palavras assumem uma dimensão enorme e justificam a sua presença diante de nós. Apesar do sofrimento, aquela mulher torturada pela vida e pela história decide ir em frente, viver, lutar e, acima de tudo, recordar, porque como diz: se não houver memória, para que se vive? Isto explica claramente a nossa proposta: romper as fronteiras do silêncio e do esquecimento. Por isso veio, para que nos deixe observar sua miséria e degradação, por isso vamos pôr em cena este texto; para não esquecer aqueles que viveram estas e outras guerras, recordar as vítimas dos totalitarismos aniquilantes e avisar para o perigo de uma sociedade que roça a debilidade. Para reivindicar o valor do teatro testemunho do exílio, como um instrumento vivo e eficaz para interpelar a sociedade. - Ignácio Garcia

Encenação: Ignácio Garcia /espanha /méxico| Assistente de encenação: Solange Sá | Tradução: Ivonete da Silva Isidoro| Cenografia: José Manuel Castanheira| Figurinos: Manuela Bronze| Desenho de luz: Bohumil Palewic| Criação vídeo: Frederico Bustorff | com Ana Bustorff (atriz convidada)


Other shows
September 2 a 4, 2020 / Theater
A CRIATURA
MoreMore
September 5, 2020 / Music
MIGUEL ANGELO convida FILIPE SAMBADO E CHINASKEE
MoreMore
September 7, 2020 / Movies
LA DOLCE VITA
MoreMore
All shows
Seta Submit Seta Email Facebook Facebook Twitter Instagram Pintrest Vimeo Yootube Soundcloud Soundcloud Soundcloud
The use of cookies at Teatro Circo de Braga’s website serves only to register the language chosen by the user and to verify if the user accepted the cookie. If you continue to use this website, it is assumed that you accept these cookies.