Agenda e Bilheteira
  •  
     
    Ligeti, Pärt, Saariaho, Bacewicz - Sinfonietta de Braga
    31 de Maio 2024
  • Programa
  • Sexta
    21:30
    Sala Principal
    M6
    15€
    Cartão Quadrilátero
    7.5€
    Ligeti, Pärt, Saariaho, Bacewicz Sinfonietta de Braga 

    O Contraponto é um ciclo dedicado à composição dos séculos XX e XXI, onde convidamos ensembles e compositores locais, nacionais e internacionais para nos guiarem pela música de um dos períodos mais férteis em novas ideias e formas. 

    Neste concerto, o quarto deste ciclo, vamos escutar a Sinfonietta de Braga, num espetáculo que destaca a riqueza e a diversidade da escrita para cordas. O programa inicia com Terra Memoria, de Kaija Saariaho, uma peça dedicada “àqueles que partiram”, seguindo-se o Concerto para Cordas de Grażyna Bacewicz, muitas vezes referido como a sua “Nona Sinfonia”. A terceira obra pertence a György Ligeti, Ramifications, composta para orquestra de cordas ou 12 cordas solo, culminando o concerto com Fratres (1991), para orquestra de cordas e percussão, de Arvo Pärt. No seu estilo único de “Tintinnabuli”, a peça permite diversas configurações pois não requer um timbre sonoro específico. 

    Sob a direção do maestro Jan Wierzba, a Sinfonietta de Braga convida o público a explorar as fronteiras sonoras do contemporâneo, desvelando a relevância atemporal destas composições. 

    A Sinfonietta de Braga é uma associação cultural, gerida por um coletivo profissional de artistas, que se dedica à programação, formação e criação musical.

    Programa 

    Kaija Saariaho (1952-2023) Terra Memoria (2006) 18’ 

    György Ligeti (1923-2006) Ramifications (1968) 8’ 

    Grażyna Bacewicz (1909-1969) Concerto para cordas (1948) 18’ 

    Arvo Pärt (1935) Fratres für streichorchester und schlagzeug (1991) 10’ 


    Duração 74’ com comentários


    Orquestra Sinfonietta de Braga 
    Direção musical Jan Wierzba 

    Violinos  
    (VL1) Rómulo Assis •  Pedro Oliveira • David Correia • Ana Isabel Maria Afonso • Teresa Jesus  
    (VL2) Joaquim Pereira • Diana Pereira •  Miguel Oliveira •  Ricardo Antunes • Inês Silva  
    Violas  
    Jorge Alves •  Rita Carreiras Mariana Vieira • Carlos Domingues  
    Cellos  
    Tiago Mendes •  Carolina Freitas • Carolina Rodrigues  
    Contrabaixos  
    Daniel Gomes • João Gonçalves  
    Percussão  
    João Miguel Simões 


    Apoio à divulgação Antena 2
    Apoio República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes. RTCP – Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses
Sexta
21:30
Sala Principal
M6
15€
Cartão Quadrilátero
7.5€
Ligeti, Pärt, Saariaho, Bacewicz Sinfonietta de Braga 

O Contraponto é um ciclo dedicado à composição dos séculos XX e XXI, onde convidamos ensembles e compositores locais, nacionais e internacionais para nos guiarem pela música de um dos períodos mais férteis em novas ideias e formas. 

Neste concerto, o quarto deste ciclo, vamos escutar a Sinfonietta de Braga, num espetáculo que destaca a riqueza e a diversidade da escrita para cordas. O programa inicia com Terra Memoria, de Kaija Saariaho, uma peça dedicada “àqueles que partiram”, seguindo-se o Concerto para Cordas de Grażyna Bacewicz, muitas vezes referido como a sua “Nona Sinfonia”. A terceira obra pertence a György Ligeti, Ramifications, composta para orquestra de cordas ou 12 cordas solo, culminando o concerto com Fratres (1991), para orquestra de cordas e percussão, de Arvo Pärt. No seu estilo único de “Tintinnabuli”, a peça permite diversas configurações pois não requer um timbre sonoro específico. 

Sob a direção do maestro Jan Wierzba, a Sinfonietta de Braga convida o público a explorar as fronteiras sonoras do contemporâneo, desvelando a relevância atemporal destas composições. 

A Sinfonietta de Braga é uma associação cultural, gerida por um coletivo profissional de artistas, que se dedica à programação, formação e criação musical.

Programa 

Kaija Saariaho (1952-2023) Terra Memoria (2006) 18’ 

György Ligeti (1923-2006) Ramifications (1968) 8’ 

Grażyna Bacewicz (1909-1969) Concerto para cordas (1948) 18’ 

Arvo Pärt (1935) Fratres für streichorchester und schlagzeug (1991) 10’ 


Duração 74’ com comentários


Orquestra Sinfonietta de Braga 
Direção musical Jan Wierzba 

Violinos  
(VL1) Rómulo Assis •  Pedro Oliveira • David Correia • Ana Isabel Maria Afonso • Teresa Jesus  
(VL2) Joaquim Pereira • Diana Pereira •  Miguel Oliveira •  Ricardo Antunes • Inês Silva  
Violas  
Jorge Alves •  Rita Carreiras Mariana Vieira • Carlos Domingues  
Cellos  
Tiago Mendes •  Carolina Freitas • Carolina Rodrigues  
Contrabaixos  
Daniel Gomes • João Gonçalves  
Percussão  
João Miguel Simões 


Apoio à divulgação Antena 2
Apoio República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes. RTCP – Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses
Outros espetáculos
5 de Julho 2024 / Música
Julho é de Jazz: Irreversible Entanglements
Ver maisVer mais
6 de Julho 2024 / Música
Julho é de Jazz: John Scofield & Dave Holland Duo
Ver maisVer mais
13 de Julho 2024 / Música
Julho é de Jazz: Amaro Freitas
Ver maisVer mais
Ver todos os espetáculos
Seta Submit Seta Email Facebook Facebook Twitter Instagram Pintrest Vimeo Yootube Soundcloud Soundcloud Soundcloud
O Teatro Circo de Braga, EM, S.A. usa cookies no seu site apenas para registo do idioma selecionado pelo utilizador e para verificar se o utilizador aceitou a cookie. Se continuares a usar este site, assumimos que aceitas de bom grado estas cookies.