Agenda e Bilheteira
  •  
     
    FESTIVAL PARA GENTE SENTADA - CAIO
    30 de Setembro 2022
  • Programa
  • Sexta
    18:00
    Pequeno Auditório
    M6
     
    O Festival para Gente Sentada regressa ao Theatro Circo durante os dias 30 de Setembro e 1 de Outubro. A abertura do primeiro dia acontecerá no Pequeno Auditório ao som da doce voz de CAIO.

    O bilhete para o Festival para Gente Sentada garante a entrada nos concertos programados na sala principal, ficando o acesso ao Pequeno Auditório limitado à sua lotação, mediante ordem de chegada.


    CAIO

    Neste novo trabalho de originais, CAIO abre-nos o almanaque do seu coração. Histórias de catarse e superação em capítulos que sangram uma visão crua do que é o amor, do bom que nos traz e do mal que nos faz e das várias paragens rumo a um porto seguro onde, o olhar para trás, já não dói.

    João Santos tem-nos habituado ao longo dos últimos anos, a alguns dos mais interessantes lançamentos sobre o pseudónimo de CAIO. No seu cardápio de histórias, conta já com dois discos e dois EP's. O romance pela vida e as suas venturas e desventuras são o denominador comum que nos tem ligado ao menino artista que agora, nesta Travessia, se vê homem maturado por cicatrizes longe da vista, mas demasiado próximas do coração. Em Travessia, vemos a porta entreaberta para um coração dorido no que é, até ao momento, o trabalho mais profundo de Caio.

    É nesta visão íntima que reside a força motriz deste novo trabalho, numa visão gutural sobre as relações humanas e a maneira como estas definem o nosso presente e nos fazem rumar ao futuro. Composto, produzido e gravado na Casa do Vento, Travessia é marcado pela experimentação, pela introdução de novas estéticas e linguagens, pelo descanso paulatino da guitarra folk em detrimento de um maior relevo ao piano, como textura matricial de uma viagem interior que expõe o artista e as suas fragilidades transformando as suas maiores derrotas em absolutas vitórias.

    Contando com colaborações de Valter Lobo e Evaya entre outros, Caio apresenta-se cru, desarmado e despojado da visão naive de outros tempos, remando contra a maré numa Travessia que tanto navega mares revoltos como em cálidas águas dando significância maior que um simples exercício de expiação. Travessia é CAIO repleto de falhas e erros, de honestidade e humildade que nos ensina mais e mais sobre o que é ser humano e sensorial.

Sexta
18:00
Pequeno Auditório
M6
 
O Festival para Gente Sentada regressa ao Theatro Circo durante os dias 30 de Setembro e 1 de Outubro. A abertura do primeiro dia acontecerá no Pequeno Auditório ao som da doce voz de CAIO.

O bilhete para o Festival para Gente Sentada garante a entrada nos concertos programados na sala principal, ficando o acesso ao Pequeno Auditório limitado à sua lotação, mediante ordem de chegada.


CAIO

Neste novo trabalho de originais, CAIO abre-nos o almanaque do seu coração. Histórias de catarse e superação em capítulos que sangram uma visão crua do que é o amor, do bom que nos traz e do mal que nos faz e das várias paragens rumo a um porto seguro onde, o olhar para trás, já não dói.

João Santos tem-nos habituado ao longo dos últimos anos, a alguns dos mais interessantes lançamentos sobre o pseudónimo de CAIO. No seu cardápio de histórias, conta já com dois discos e dois EP's. O romance pela vida e as suas venturas e desventuras são o denominador comum que nos tem ligado ao menino artista que agora, nesta Travessia, se vê homem maturado por cicatrizes longe da vista, mas demasiado próximas do coração. Em Travessia, vemos a porta entreaberta para um coração dorido no que é, até ao momento, o trabalho mais profundo de Caio.

É nesta visão íntima que reside a força motriz deste novo trabalho, numa visão gutural sobre as relações humanas e a maneira como estas definem o nosso presente e nos fazem rumar ao futuro. Composto, produzido e gravado na Casa do Vento, Travessia é marcado pela experimentação, pela introdução de novas estéticas e linguagens, pelo descanso paulatino da guitarra folk em detrimento de um maior relevo ao piano, como textura matricial de uma viagem interior que expõe o artista e as suas fragilidades transformando as suas maiores derrotas em absolutas vitórias.

Contando com colaborações de Valter Lobo e Evaya entre outros, Caio apresenta-se cru, desarmado e despojado da visão naive de outros tempos, remando contra a maré numa Travessia que tanto navega mares revoltos como em cálidas águas dando significância maior que um simples exercício de expiação. Travessia é CAIO repleto de falhas e erros, de honestidade e humildade que nos ensina mais e mais sobre o que é ser humano e sensorial.

Outros espetáculos
2 de Dezembro 2022 / Outros
GILMÁRIO VEMBA - TEMAS
Ver maisVer mais
3 de Dezembro 2022 / Música
MARGULIS E MAGALHÃES
Ver maisVer mais
5 de Dezembro 2022 / Música
CONCERTO DE S.GERALDO: 'HOMENAGEM A NELLA MAÍSSA', pela Orquestra Sinfonietta de Braga e Taíssa Poliakova Cunha
Ver maisVer mais
Ver todos os espetáculos
Seta Submit Seta Email Facebook Facebook Twitter Instagram Pintrest Vimeo Yootube Soundcloud Soundcloud Soundcloud
O Teatro Circo de Braga, EM, S.A. usa cookies no seu site apenas para registo do idioma selecionado pelo utilizador e para verificar se o utilizador aceitou a cookie. Se continuares a usar este site, assumimos que aceitas de bom grado estas cookies.